Julho 22, 2024
Ideias de refrigerantes naturais

Os refrigerantes são muito (e muito!) consumidos em todo o mundo, e a maioria de nós está ciente dos efeitos negativos que eles podem ter em nossa saúde.

A boa notícia é que existem alternativas deliciosas e mais saudáveis que podem satisfazer nosso desejo por bebidas refrescantes sem comprometer o nosso bem-estar.

Nesta postagem traremos 7 dicas de refrigerantes naturais que é uma ótima oportunidade para começar a se livra do vício. Bora conferir?

Compartilhe nas redes

Índice de conteúdos.

Por que refrigerante faz mal?

O refrigerante é sem dúvida nenhuma um dos alimentos líquidos que mais trazem prejuízos à saúde (se é que dá para considerá-lo um alimento, tamanho são os seus malefícios e a sua pobreza nutricional).

Há inúmeros estudos científicos que apontam para este fato, e a maioria deles está relacionada a seu alto teor de açúcar e à grande quantia de químicas prejudiciais em sua composição, como corantes, acidulantes e estabilizantes.

Abaixo falaremos acerca de alguns do malefícios do refrigerante, que possuem comprovação científica.

Caso prefira, você pode ir direto para as receitas clicando aqui.

1. Açúcar em excesso e os malefícios a nossa saúde.

A quantidade de açúcar no refrigerante é assustadora.

A quantidade de açúcar presente no refrigerante é de assustar. Uma lata de 350 mL contém em média (pode ser mais ou menos, dependendo da marca e do tipo) 40 g de açúcar.

A OMS recomenda que o consumo máximo de açúcar ao dia não deve exceder 10% de nossa ingestão calórica diária. 

Considerando uma dieta padrão de 2000 kcal, uma única lata checa a ter 80% da ingestão máxima recomendada, é de assustar!

Entre os malefícios do consumo de açúcar em excesso, e por tabela, do refrigerante, podemos destacar:

2. Refrigerante é cancerígeno.

De acordo com um estudo de Harvard, mulheres que consomem pelo menos uma lata de refrigerante por dia tem 85% mais chances de contrair câncer de fígado no futuro.

Existem diversas substância presentes no refrigerante associadas ao câncer, com o corante caramelo 6 e o benzeno.

3. Desgasta o esmalte dos dentes.

Por ser uma bebida bastante ácida (PH menor que 3), o refrigerante provoca desgaste no esmalte dentário, o que eleva o risco de surgimento de cáries e outros problemas bucais.

4. Refrigerante desidrata.

O refrigerante pode até refrescar, mas hidratar… muito pelo contrário!

Açúcar, cafeína e outras substâncias aumentam a eliminação de água pela urina, o que pode levar à desidratação.

Outros malefícios do refrigerante.

Além dos malefícios que destacamos, o consumo de refrigerante em excesso pode causar os seguintes problemas:

7 refrigerantes naturais (mais saudáveis!)

Pensando nos malefícios advindos do consumo do refrigerante, fizemos uma seleção com 7 “refrigerantes naturais” que podem te auxiliar como uma transição para que você consiga se livrar do vício. Vamos conferir?

1. Sprite saudável (limonada gaseificada).

Limonada com gás

Para quem não abre mão de um bom refresco de limão, aqui está uma opção deliciosa, refrescante e além disso, saudável e funcional. 

Essa “sprite saudável” é mais saborosa que a original na minha opinião. Confira a receita abaixo:

Ingredientes

Modo de preparo

2. Fanta uva saudável (suco de uva com gás).

Normalmente a fanta uva é 8 ou 80, ou você ama de paixão ou você odeia. Eu particularmente não sou muito fã, mas essa versão com suco de uva é muito boa!

Além disso, ela é ainda mais fácil que a sprite que sugerimos, e também uma bebida saudável e funcional. Confira a receita da fanta uva saudável abaixo:

Ingredientes

Modo de preparo

3. Soda italiana: drink (não alcoólico) de frutas gaseificado.

Ideias de refrigerantes naturais

Para quem não sabe, a soda italiana é uma bebida gaseificada preparada com xarope de fruta, água com gás e gelo: um tipo de refrigerante “mais saudável”. Porém, tome cuidado, porque ele pode não ser tão saudável assim.

A quantidade de açúcar em seu “xarope natural” pode ser igual ou maior que a de um refrigerante, mas ainda ganhando deste, por conter muito menos químicas na composição.

Abaixo darei uma sugestão de soda italiana mais saudável:

Ingredientes

Modo de preparo

4. Fanta saudável (suco de laranja e acerola com gás).

Suco de laranja com gás

Já que apresentamos uma versão saudável da fanta uva, a fanta de laranja também não poderia ficar de fora. 

Essa versão de fanta saudável é uma explosão de sabores, bem refrescante e muito saudável. Confira a receita abaixo:

Ingredientes

Modo de preparo

5. Spritzbier: refrigerante alemão de abacaxi, limão e gengibre.

Spritzbier

O sprietzbier é uma bebida alemã fermentada e gaseificada, feita à base de limão, abacaxi, gengibre e açúcar.

É uma alternativa gostosa e saudável ao refrigerante e que também é comparada à cerveja, por possuir um leve amargor, mas sem teor alcoólico

Quer aprender a preparar? Apesar de levar dias para fermentar, o seu preparo é bem fácil. Confira abaixo como fazer spritzbier caseiro:

Ingredientes

Modo de preparo

6. Coca saudável (chá preto com limão com gás).

Não é exatamente um refrigerante de cola, porém o sabor e cor lembram bastante uma coca-cola com limão. Eu diria que é um ótimo substituto e uma opção bem mais saudável.

Vou te ensinar uma receita caseira, porém também é possível comprá-lo no mercado. A própria coca-cola (leão) faz um chá preto com limão com gás que é maravilhoso.

Ingredientes

Modo de preparo

7. Kombuchá: bebida probiótica à base de chá.

Kombuchá

O kombucha é uma bebida fermentada e gaseificada, com sabor levemente ácido, feita com base no chá verde ou preto adoçado. 

Também é bem comum adicionar frutas como maracujá e uva e até mesmo folhas de hibisco.

O responsável pela fermentação da bebida é uma cultura de bactérias e leveduras conhecida como scoby.

Hoje em dia você consegue comprar a bebida em qualquer mercado ou loja de produtos naturais. Porém, caso queira, é possível prepará-la em sua casa. 

Eu não recomendo, pois devido a dificuldade e o risco de contaminação, é muito mais prático e seguro comprá-lo pronto.

Considerações finais.

As 7 dicas que demos são certamente opções bem mais saudáveis que o refrigerante, e servem como transição, para quem está com dificuldade em eliminá-lo da rotina.

Alguns deles possuem certa quantidade de açúcar, portanto, recomendamos o consumo moderado.

As dicas desse artigo não substituem o devido acompanhamento médico ou nutricionista.

Compartilhe nas redes

Picture of Raphael Tavares
Raphael Tavares

36 anos, formado em Mecatrônica Industrial e há 11 anos trabalhando no Administrativo do IAMSPE (Assistência Médica do Servidor Público do Estado de São Paulo). Seu hoobie é ler conteúdos relacionados à saúde e bem estar. Agora, criando seus próprios artigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *